By 

The Haunted Mansion (Magic Kingdom – Liberty Square)


Tipo: dark ride
Duração: 9 minutos
Tamanho das filas: médio a grande
Filas especiais: fastpass+
Termômetro do medo: 2,5 de 5 (escuro; fantasmas; trilha sonora assustadora)
Possibilidade de ficar molhado: 0 de 5

Não é à toa que a The Haunted Mansion (Mansão Mal-Assombrada) é uma das atrações mais populares até hoje nos parques Disney, Ela causou muita dor de cabeça durante a longa criação do brinquedo original (quase vinte anos!), e é a única atração Disney a estar em uma área diferente – portanto com temas e designs diferentes entre si – em quase todo parque estilo Magic Kingdom do mundo:

  • Califórnia – New Orleans Square;
  • Flórida – Liberty Square;
  • Tóquio – Fantasyland;
  • Paris – Frontierland, com o nome de Phantom Manor;
  • Hong Kong – Mystic Point, com o nome de Mystic Manor e uma temática bem diferente;
  • Xangai – não tem, infelizmente….

 

A The Haunted Mansion de Walt Disney

The_Haunted_Mansion

A ideia para uma casa mal-assombrada, muito comum nos parques da era pré-Disney, foi idealizada por Walt Disney quatro anos antes da inauguração da Disneyland em 1955. Porém, devido a inúmeros percalços no caminho, como a própria morte de Walt, ela acabou sendo inaugurada somente em 1969 na Disneyland. Os atrasos acabaram ajudando a versão feita para o Magic Kingdom, que estava sendo construído na mesma época. Certos de que o brinquedo alcançaria sucesso imediato (e foi), todas as partes internas da atração foram construídas em dobro para o Magic Kingdom.

Com isso, a única preocupação dos Imagineers foi com a parte externa da The Haunted Mansion, já que ela se encontra em outra área em relação à atração original – a área da Disneyland, New Orleans Square, nem existe nesse parque, sendo substituída pela Liberty Square em homenagem ao bicentenário da Independência americana, comemorado no ano de inauguração do parque (1971). Saiu o casarão dos barões do sul, entrou uma mansão gótica, mais assustadora, que dá o verdadeiro tom da atração para os pequenos que ainda não estão preparados para o local.

Dentro da mansão

Ao entrar na atração, acompanhado por cast members bem sisudos ao contrário do restante do parque, entra-se numa sala fechada, onde acontece a primeira cena assustadora. Ao contrário da Disneyland, os visitantes não são transportados para o andar de baixo, onde realmente fica a entrada da mansão; as paredes aqui são estendidas para cima, dando a impressão de que nos mexemos, mas ficamos parados. Ao sair, entramos nos carrinhos da atração, chamados Doom Buggies, uma inovação que foi criado especialmente para a atração, permitindo um fluxo maior de guests, já que rodam sem parar em seu trilho, e acabou sendo utilizada em inúmeros outros brinquedos.

DSC01472

Candelabro vagando sozinho no corredor (cena que causou muitos pesadelos à nossa editora Renata Primavera na infância…)

É então que vamos conhecer o interior da famigerada Mansão, lar de 999 fantasmas aposentados, acompanhados por nosso anfitrião fantasma, o Ghost Host, cuja voz nos apresenta tudo que se verá a seguir. Num primeiro momento, maçanetas giram, pianos tocam sozinhos e candelabros vagam sozinhos por corredores. Somente em seguida começamos a ver as primeiras aparições, especialmente na grande cena do brinquedo, num grande salão com os fantasmas se divertindo em um aniversário (SPOILER: se quiser saber como essa cena é feita, leia aqui). Por fim, é hora de festa dos fantasmas no grandioso cemitério montada dentro da atração, acompanhada pela canção Grim Grinning Ghosts, escrita pelo mesmo autor de Yo-Ho (a Pirate’s Life For Me), do Pirates of the Caribbean.

Ainda dá tempo de uma última surpresa antes da saída: que tal dar carona para um dos fantasmas que quer deixar a The Haunted Mansion? Na verdade, nem dá para escolher; antes que você perceba, um dos três simpáticos fantamas estará a bordo de seu carrinho, pronto para lhe acompanhar.

As surpresas são muitas nessa atração clássica, e não perca a nova fila, com locais onde é possível interagir com os túmulos, que tocam músicas, por exemplo.

hitch-hiking-ghosts-2


VEJA TAMBÉM

Como a Disney usa o Big Data para melhorar a experiência dos visitantes
September 20, 2017
Voyage to the Crystal Grotto (Shanghai Disneyland – Fantasyland)
August 24, 2017
As atrações em Orlando que estão presentes nos parques desde sua inauguração
August 21, 2017
Disney Hollywood Studios ganha preview center de futuras atrações, no lugar da One’s Man Dream
August 14, 2017
TOP 5 – Parques Disney que nunca saíram do papel
August 13, 2017
Roaring Rapids (Shanghai Disneyland – Adventure Isle)
August 10, 2017
Atração de Homem-Formiga substituiu Buzz Lightyear na Hong Kong Disneyland
August 08, 2017
Magic Kingdom recebe montanha-russa de TRON para aniversário de 50 anos
August 04, 2017
Mission: SPACE reabre no Epcot com nova experiência de voo
August 03, 2017

8 Comentários

Humberto
Reply 25 de novembro de 2016

As fachadas das versões de Orlando e Tóquio são iguais,so que a do Japão é invertida.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *