By 

Matterhorn Bobsleds (Disneyland Park – Fantasyland)


Tipo: montanha-russa 
Duração: 2 minutos
Tamanho das filas: médio
Filas especiais: Single Rider 
Termômetro do medo: 1,5 de 5 (escuro; curvas e quedas suaves, aparição do Yeti)
Possibilidade de ficar molhado: 0,5 de 5 (pingos de água das cachoeiras e queda final) 
Restrição de altura: crianças com menos de 107cm não podem entrar na atração

Com o sucesso de parques de diversão como Six Flags e Busch Gardens, é difícil acreditar que os parques Disney foram os verdadeiros revolucionários quando se trata de montanhas-russas. Eles foram os responsáveis por trazer ao mundo o primeiro exemplar inteiro de aço, e também o primeiro a ter múltiplos carrinhos rodando ao mesmo tempo. A montanha-russa em questão está de pé até hoje, a Matterhorn Bobsleds – uma verdadeira réplica da montanha Matterhorn na Suiça – localizada bem ao lado Castelo da Bela Adormercida na parte central do Disneyland Park.

matterhorn-bobsleads-4

Foto aérea do parque da Disney nos anos 50, com a Holiday Hill assinalada em vermelho (fonte: livro The Disney Mountains)

Em 1959, o parque temático na Califórnia passou por sua primeira grande expansão, somente quatro anos após a inauguração, e o Matterhorn Bobsleds seria uma entre as três atrações a abrir (as outras eram o Submarine Voyage, hoje com tema do filme Procurando Nemo, e o famoso Monorail). A inspiração para a atração surgiu em 56, quando Walt Disney e um funcionário estavam sentados no topo da Holiday Hill, um pequeno monte pouco atraente  que servia como simples área para piqueniques entre a Fantasyland e a Tomorrowland. “Por que não fazer uma descida de tobogã na neve aqui?”, disse Walt, ideia que se mostraria impraticavél, graças ao calor intenso da região da Califórnia onde o parque temático está localizado.

Mas Walt não desistia fácil e insistiu no projeto, com planos de transformá-lo em uma colina com uma montanha-russa que passaria por seu interior. Enquanto os Imagineers tentavam encontrar o melhor nome para a futura atração, uma viagem de Walt foi a inspiração final que o projeto pedia. Fã da Europa e, em particular, da Suiça, onda passava várias de suas férias em família, Walt viajou para o país para as filmagens de um longa da empresa O Terceiro Homem na Montanha. O filme mostrava um jovem e inexperiente alpinista tentando escalar a perigosa montanha Matterhorn, uma das mais altas nos Alpes Suíços. Ele se apaixonou pela montanha e mandou uma foto dela para os Imagineers com os seguintes dizeres “Construam isso!”.

Para entender perfeitamente o layout da futura atração, desenhos no papel não seriam o bastante, então um modelo 3D teve de ser construído, algo incomum à época. Os Imagineers responsáveis estavam apavorados pela dimensão e escopo do projeto, que agregaria elementos diversos como cachoeiras, árvores, uma abertura para passagem de um teleférico já existente através da estrutura e a montanha-russa em si, mas Walt não dava ouvidos. Aprovou o modelo 3D inicial, e uma versão maior foi construída em seguida, o que levou a um estudo aprofundado da geologia e história da verdadeira Matterhorn. Como consequência, poucas liberdades criativas foram tomadas em relação à montanha original, caso da ponta, que acabou com forma de gancho mais acentuada.

A empresa de engenharia Arrow foi contratada para ajudar no desenho dos revolucionários trilhos e trabalhararam lado a lado com os Imagineers durante a construção, feita com uma estrutura de aço coberta com cimento, depois pintado e moldado para simular uma rocha. Árvores especiais foram trazidas para simular a natureza do local e quatro cachoeiras adicionadas ao longo do percurso. A ideia para o “grand-finale”, uma pequena queda dos carrinhos num lago formado por uma das cachoeiras, surgiu no final, após os testes com pessoas. Ainda com os trilhos inacabados, os carrinhos tinham que ser freados com uma grande pilha de feno! Walt adorava essa sensação e pediu algo similar no brinquedo, sendo prontamente atendido pelo “lago desacelerador” do final.

matterhorn-bobsleads-2

Inaugurada em junho de 1959, a Matterhorn Bobsleds foi um sucesso imediato. Mas, quem já andou no brinquedo deve estar se perguntando: e quanto ao Abominável Homem das Neves que aparece na montanha-russa? Ele foi planejado desde o início, mas somente foi adicionado na primeira grande reforma da atração, em 1978. Três Yetis foram construídos no total: um para o percurso A e outro para o B (sim, se você embarcar à esquerda ou à direita na estação, terá experiências diferentes!) e outro visível por visitantes nos dois percursos.

Até os dias de hoje, outras pequenas mudanças foram feitas à montanha-russa. O teleférico que atravessava seu pico fechou, e a mais recente colocou os visitanes para sentarem sozinhos nos tobogãs, e não mais grudados uns ao outros como no passado…

matterhorn-bobsleads-3


VEJA TAMBÉM

Filme Up – Altas Aventuras ganha show no Animal Kingdom
December 12, 2017
Disney leva quatro Prêmios Thea por atrações de Avatar, Frozen e Guardiões da Galáxia
December 05, 2017
Disney cria tecnologia para deficientes visuais “sentirem” shows de fogos de artifício
November 21, 2017
International Festival of the Arts retorna ao Epcot em janeiro
November 16, 2017
Mickey celebra aniversário mais uma vez nos parques Disney
November 03, 2017
Pixar invade o Disney California Adventure em 2018
November 03, 2017
Disney Hollywood Studios terá restaurante inédito na Toy Story Land
October 26, 2017
Stitch Encounter (Shanghai Disneyland – Tomorrowland)
October 18, 2017
Final Fantasy terá montanha-russa VR no Universal Studios Japan
October 17, 2017

1 Comentários

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *